a Puroesporte: Clube de Atletismo BM&FBOVESPA aposta na renovação para 2017
Subscribe: flickr

Ads 468x60px

sábado, 28 de janeiro de 2017

Clube de Atletismo BM&FBOVESPA aposta na renovação para 2017


Nova equipe já treina com o técnico Elson Miranda
Novo grupo do salto com vara com o técnico Elson Miranda e Fabiana Murer São Caetano do Sul - O Clube de Atletismo BM&FBOVESPA, comprometido com o desenvolvimento do Brasil pelo esporte, entra renovado na temporada de 2017, com 14 novos integrantes no grupo de 57 atletas.

"Ao fim de 2016, tivemos a despedida de atletas experientes, como Fabiana Murer, Marílson Gomes dos Santos e Thaíssa Presti, que se aposentaram do atletismo. Entramos, então, em um processo de renovação, com sangue novo na equipe", disse o coordenador técnico Ricardo D'Angelo.

Mas continuam na equipe atletas que têm se destacado no atletismo nacional nos últimos anos, como Mauro Vinícius da Silva, o Duda, bicampeão mundial indoor do salto em distância, os finalistas olímpicos Wagner Domingos, o Montanha (lançamento do martelo), Darlan Romani (arremesso do peso), Luiz Alberto de Araújo (decatlo), além da campeã pan-americana dos 5.000 m Juliana Paula Gomes dos Santos e dos jovens Thiago do Rosário André (meio fundo), Núbia Soares (salto triplo) e Izabela Rodrigues da Silva (lançamento do disco).

Entre os novos contratados estão atletas que disputaram os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, como a velocista Vitória Rosa, de 20 anos, o barreirista Marcio Teles, de 23 anos, assim como a marchadora Erica Rocha de Sena, de 31 anos - medalha de bronze na Copa do Mundo em 2016, 7ª colocada na Rio/2016 e recorde sul-americana dos 20 km, a atleta retorna à equipe.

O grupo do salto com vara, comandado pelo técnico Elson Miranda, foi totalmente renovado e contará com quatro atletas: Bruno Spinelli, Vinicius Micael, Juliana Campos e Patrícia dos Santos. Bruno e Juliana já treinavam com Elson e, até o ano passado, competiam pelo Instituto Elisângela Maria Adriano (IEMA), núcleo de categorias de base que funciona em São Caetano do Sul e é apoiado pelo Clube de Atletismo BM&FBOVESPA.

Os desafios do primeiro ano do ciclo olímpico

O ano de 2017 terá três grandes torneios internacionais. O principal deles é o Mundial de Londres, que será realizado em agosto, no mesmo estádio que recebeu os Jogos Olímpicos de 2012. Antes, os atletas do Clube buscarão classificação para o Mundial de Revezamentos, em abril, nas Bahamas, e para o Campeonato Sul-Americano, em junho, no Equador, que também é classificatório para o Mundial de Londres.

"Na parte internacional da temporada, foco estará nos Mundiais - de revezamento e outdoor - e em continuar conquistando resultados nos meetings. O Sul-Americano, que o Brasil normalmente tem dominado, ganha maior atrativo já que dará vagas para o Mundial", explica D'Angelo. "Dentro do país, vamos em busca do título do Troféu Brasil, que será em junho, no Rio. Vamos lutar, porque será mais um ano competitivo".

0 comentários: